RSS

Myrian Rios defende direito de demitir por justa causa funcionário que não seja Heterossexual

28 Jun

Fonte: Veja
Rafael Lemos, do Rio de Janeiro

Vídeo com discurso que associa homossexualismo a pedofilia já foi visto por 900 pessoas no Youtube. Em nota, deputada diz que foi mal interpretada

A atriz e deputada estadual Myrian Rios (PDT-RJ) virou protagonista de uma polêmica na internet. Na última sexta-feira, foi parar no Youtube um discurso dela no plenário da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) contra a aprovação da PEC 23/2007, que propõe acrescentar a orientação sexual às formas de discriminação previstas na Constituição do Estado do Rio de Janeiro. Entre os seus argumentos, a deputada afirma que a medida impediria que uma babá lésbica fosse demitida após praticar pedofilia contra as filhas de um casal.

“Digamos que eu tenha duas meninas em casa e contrate uma babá que mostra que sua orientação sexual é ser lésbica. Se a minha orientação sexual for contrária e eu quiser demiti-la, eu não posso. O direito que a babá tem de querer ser lésbica, é o mesmo que eu tenho de não querer ela na minha casa. Vou ter que manter a babá em casa e sabe Deus até se ela não vai cometer pedofilia contra elas. E eu não vou poder fazer nada”, disse a deputada.

O discurso, que já foi visto mais de 900 vezes, foi gravado na última terça-feira, momentos antes da votação da PEC no plenário da Alerj. A proposta de emenda, que precisava de pelo menos 42 votos, recebeu apenas 38 a favor e 39 contra em primeira votação. A proposta não tem data para voltar ao plenário.

Em seu discurso, Myrian Rios defendeu o direito de demitir um funcionário pelo simples fato de ter uma outra orientação sexual. “Eu quero a lei para demitir sim. Para explicar que na minha casa a orientação sexual é outra”, afirmou a deputada, que ainda completou: “Essa PEC vem tirar o nosso direito de ser hétero”.

Com exceção de alguns trabalhos como apresentadora numa emissora católica, Myrian Rios está sumida da televisão. Seu último trabalho foi como a personagem Anita na novela O Clone, da TV Globo, atualmente em reprise durante a tarde. Nas últimas eleições, conseguiu tornar-se deputada estadual com a ajuda dos mais de 500.000 votos do apresentador Wagner Montes (PDT).

Nos 12 anos que passou casada com o cantor Roberto Carlos, Myrian Rios aprendeu a devoção religiosa, aderiu à Renovação Carismática da Igreja Católica e virou missionária. Em sua atuação parlamentar, sempre se apresenta como “mãe e missionária”.

No início da noite, a assessoria de Myrian Rios distribuiu a seguinte nota:

“Iniciei meu discurso de 21 de junho na tribuna da Alerj relatando a minha condição de católica, missionária consagrada da comunidade Canção Nova e, como tal, eu prego o respeito, o amor ao próximo, o perdão. Destaco que Deus ama a todas as pessoas, pois Ele não faz diferenciação. Em um dos trechos, afirmo: não sou preconceituosa e não descrimino (sic).

Repudio veementemente o pedófilo e jamais tive a intenção de igualar esse criminoso com o homossexualismo. Se entenderam desta maneira, peço desculpas. Conto na minha família com parentes e amigos homossexuais e os amo, respeito como seres humanos e filhos de Deus. Da mesma forma repudio a agressão aos homossexuais, pois nada justifica tamanha violência.

Votei contra a PEC-23 por minhas convicções e não contra este ou aquele segmento de determinada orientação sexual.”

 

Anúncios
 

Etiquetas: , , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: